08 de Março de 2021 | Assembleia Geral

Informação
    Sócios(as) da Associação Porto Chapter
    Espera-se todos estejam bem, com saúde nesta época difícil marcada pela pandemia COVID 19.
    Cumpre ao Porto Chapter informar que, devido aos condicionalismos e constrangimentos impostos pela pandemia em curso, não se procederá com a realização da Assembleia Geral Ordinária prevista para o início de 2021, conforme o desejado Chapter. Optou-se pelo adiamento da Assembleia Geral até existirem condições para a sua realização presencial, conforme as regras de segurança aplicáveis segundo as normas da Autoridade de Saúde.
    Foram equacionadas diversas opções alternativas, sempre com o intuito de respeitar a legislação em vigor. A hipótese de concretizar a Assembleia Geral em formato digital via ferramentas web foi estudada, mas, entendeu-se que seria mais proveitosa a oportunidade de uma reunião presencial, ainda que adiada no tempo. Como tal, nos termos do artigo 12º dos Estatutos do Chapter, será realizada a Assembleia Geral logo que possível.
    Entende-se que esta decisão proporcionará um encontro mais proveitoso, com a valorização de uma interação mais próxima e pessoal, ainda que zelando pela segurança de cada um. Assim sendo, a convocatória e a concretização da Assembleia Geral serão condicionadas à evolução da pandemia e, em consonância com as regras de segurança recomendadas pela Direção Geral de Saúde, a Assembleia será agendada para uma data mais oportuna. Assume-se que esta será a posição mais consentânea com o espírito de participação ativa e democrática por parte dos sócios, com as melhores condições para a discussão e aprovação do que vier a ser entendido como relevante pela maioria.
    Independentemente da data da Assembleia Geral, a atividade (possível) do Chapter e a sua gestão corrente será garantida pela respetiva Direção e os restantes Corpos Sociais. Pelo descrito, em sintonia, a Direção e os restantes Corpos Sociais, cumprirão a responsabilidade de concretizar a Assembleia Geral logo que as condições de segurança assim o permitam, cumprindo assim as obrigações estatutárias.
    Solicita-se a melhor compreensão e o apoio nesta decisão. Sinceramente, entende-se que será a melhor opção no sentido de promover o respeito pela Lei (que se assume como incontornável), o respeito pelos sócios (que queremos manter em segurança) e o respeito pelo debate franco e participativo (que se considera mais fácil num registo presencial).
    Muito obrigado pela compreensão e atenção que sabemos ser certa.
    António Marques
    (Presidente da Direcção)
Imagem

Parceiros

Portochapter logo